Elon Musk explica porque não deves carregar totalmente a bateria do teu Tesla

carregar-bateria-tesla-model-3
Imagem cortesia: Tesla

É já do censo comum que não devemos carregar totalmente a bateria dos nossos equipamentos ou corremos o risco de a longo prazo diminuir o seu tempo de vida útil.

Apesar desta ser a primeira ideia que nos vem à cabeça, Elon Musk no Twitter explica que esta não é a única razão. Em resposta a uma utilizadora de um Tesla Model 3, o empresário escreve que ao carregar a 100% a bateria do Tesla, o veiculo fica menos eficiente, uma vez que deixa de aproveitar na totalidade a travagem regenerativa para recarregar.

Elon-Musk-Twiter-Bateria-Tesla

Musk refere que se deve carregar a bateria entre 90% a 95%, para que seja possível tirar toda a vantagem da travagem regenerativa. Esta função de recuperação de energia deixa de funcionar caso o carro esteja com a bateria carregada a 100%.

A tecnologia de travagem regenerativa não só torna o carro energeticamente mais eficiente, tanto que segundo alguns relatos nos fóruns da Tesla há utilizadores que conseguem aumentar a autonomia dos seus Teslas em quase 30%.

Há que ter atenção que para aumentar a autonomia dos veículos eléctricos há que recorrer a alguns truques, como diminuir a velocidade de ponta de modo a dominuir a resistência ao ar, não ligar o ar condicionado e circular de vidros fechados sempre que possível.

Infelizmente a temperatura ambiente também influencia e muito a autonomia destes veículos, ou seja, em temperatura negativas há que contar com menos quilómetros.