Apple ameaça banir empresas de acessórios que fabriquem baseados em leaks

capas-iphone-6

Existe um ditado muito antigo que diz que “O segredo é a alma do negócio”. A Apple não vai em cantigas, e acredita piamente que manter os seus dispositivos em segredo até à data do lançamento é uma prioridade.

A empresa de Cupertino está a trabalhar para aumentar o nível de sigilo, nos próximos iPhones e iPads. Uma das maiores fontes de fugas de informação dos dispositivos da Apple são os construtores de acessórios, tanto que segundo a 9to5mac, em Setembro de 2014, um pouco antes do lançamento do iPhone 6, a Apple obrigou os construtores de acessórios, assinarem contratos de sigilo, que barra a busca de informações acerca dos próximos iPhones e iPads.

Se por um lado, a Apple consegue assim guardar melhor o segredo acerca dos seus aparelhos, por outro lado, isto significa que os consumidores terão de aguardar mais tempo, que pode ser meses, à espera de capas e outros acessórios. Este atraso em acessórios de terceiros também significa ganhos potenciais para a empresa fundada por Steve Jobs, que vendem os seus acessórios enquanto não chegam ao mercado os das outras empresas.

De modo a impor a assinatura dos fabricantes de capas e acessórios, a Apple informou, que em caso de recusa na assinatura dos contratos a proibir busca de informação, a Apple reserva-se ao direito de recusar os seus produtos nas Apple Stores.

A partir de agora resta aos outros fabricantes, aguardar que a Apple lance as especificações de modo a que os seus criativos, possam desenhar e fabricar os acessórios para serem disponibilizados aos donos dos iPhones e iPads. Será que para sabermos de novas leaks antes do lançamento oficial, vamos ter de aguardar que algum funcionário da Apple torne a “perder” um iPhone num bar?