Facebook cria ThreatExchange, para profissionais da ciber segurança

Facebook cria ThreatExchange

O Facebook lançou recentemente uma plataforma de partilha de informação designada de ThreatExchange, que se destina a partilhar informações acerca de ameaças de segurança informática. Esta nova plataforma destina-se a profissionais da área da ciber segurança, para que possam trocar entre si informações, de uma forma mais rápida e eficaz.

Podemos dizer que este plataforma de troca de informações de ciber ameaças, é uma espécie de rede social para especialistas da ciber segurança. Este projecto, irá permitir a profissionais da área, comunicarem e partilharem informação relevante a ameaças, de modo a tornar todos os sistemas mais seguros.

As ameaças de segurança, geralmente visam alvos específicos, no entanto, após um ataque, várias entidades e pessoas acabam por ser afectadas directa ou indirectamente. A falta de comunicação a ineficiência desta, pode fazer uma ameaça localizada, crescer à escala global.

A ThreatExchange, já começou a juntar nomes de empresas sonantes, onde se inclui a Bilty, Dropbox, Pinterest, Tumblr, Twitter e Yahoo. Espera-se que mais companhias venham-se a juntar a esta plataforma.

A iniciativa deste projecto nasce a partir do momento em que se identificou a necessidade de criar um meio de comunicação mais consistente do que os habitualmente usados, quando se trabalha na área da ciber segurança. O aumento crescente do malware e de ataques de spam também contribuiram em muito para a criação do ThreatExchange.

A vantagem desta plataforma, é que as empresas podem seleccionar com quem partilham a informação, sem terem receio de discutir ameaças publicamente ou com quem não lhes interesse. Este projecto ainda está numa fase beta e o seu responsável advoga orgulhosamente, que quando uma empresa fica mais forte, as restantes também ficam.