Steve Wozniack continua a pensar como melhorar o Apple II

Existem realmente vários episódios dignos de registo na história da tecnologia. Steve Wozniack, co-fundador da Apple, 38 anos depois continua a pensar como melhorar o Apple II.

O mais engraçado é que actualmente a tecnologia fica absoleta muito rápidamente, o que é novo e inovador hoje, rápidamente passa a ser velho e ultrapassado amanhã. No entanto por incrível que pareça há sempre alguém que tenta melhorar algo.

Steve Wozniack revelou num email que trocou com um perito em computadores antigos que ainda hoje fica agoniado por encontrar formas de como poderia ter melhorado o Apple II.

No email escreve, ” Este ano, acordei uma noite em Quito, Equador, quando me surgiu a idéia de salvar 1 ou 2 chips do Apple II e de uma forma trivial ter dois tons de cinzento (cinzento claro e cinzento escuro).”

Para quem não conhece o Apple II, este tem 16 cores e em que duas são dois tons de cinzento, no entanto no ecrã os dois tons são idênticos. É um computador com uma engenharia muito difícil de ser melhorado.

Num outro email que Wozniack trocou com Mike W. perito no Apple I, este último referiu que um problema com a fonte de alimentação tornava a memória pouco fiável. Steve Wozniack referiu que não tinha conhecimento do problema e que quando este foi vendido já se estava  a trabalhar no Apple II e que o Apple I era apenas um patamar para poder construir o grande produto que era o Apple II.

O produto de passagem que era o Apple I se estiver em bom estado, hoje tem preços que podem chegar aos 6 dígitos.