Veículos da RIVIAN podem ter carregamento bidirecional

RIVIAN

Com cada vez mais telemóveis a terem carregamento bidirecional, não é de admirar que outros equipamentos que usem baterias comecem também a ter esta função.

Foi com este pensamento que a Rivian iniciou o desenvolvimento este conceito, de forma a aplicar nos seus veículos eléctricos.

Com o objectivo de fabricar viaturas eléctricas destinadas à aventura fora de estrada, a verdade é que as limitações de colocar um veículo todo o terreno com estas características fora de uma rede de carregamentos é de todo arriscada.

Sabendo esta limitação, R.J. Scaringe referiu num entrevista que “a empresa pretende instalar o carregamento bidireccional”, de RIVIAN para RIVIAN, assim como packs de baterias extra patenteadas.

Isto possibilita aos os donos destes 4×4 ajudar um companheiro em apuros, até este poder chegar a um posto de carregamento.

Estes veículos eléctricos prevê-se que estejam disponíveis no mercado a partir de 2020, com uma carrinha de caixa aberta R1T e o SUV R1S.

Ambas as viaturas encontram-se disponíveis para pré-encomenda, tendo os pretendentes de disponibilizar 1000 dólares para garantir o seu “Todo o terreno”.

Estas novas viaturas têm uma autonomia de 643 quilómetros em condições ideais que pode ser estendida através da aquisição de um pack de baterias e consegue ir dos 0-96 KM em cerca de 3 segundos.

A TESLA de Elon Musk além dos construtores tradicionais, começam a ter outros concorrentes a posicionarem-se em outras áreas, como por exemplo a RIVIAN no que diz respeito à condução fora de estrada.

Esse conceito da RIVIAN pode se tornar-se mais interessante em casas completamente isoladas da rede e longe de tudo, que deixam de depender de combustíveis fosseis para carregar os seus veículos, ou apenas entusiastas pela condução fora de estrada preocupados com a pegada ambiental.